CUIDA BEM DE MIM - Patrícia Brito

 Maurício Jesus Fotografia

Categoria(s): Literatura Nacional
Idioma: Português
Edição/Ano: Primeira Edição/2018
Numero de paginas: 158
Peso: 264
Tipo de Capa: Capa cartão
Acabamento: Brochura com orelha
Papel: Offset 90g
Formato: 14 x 21 cm
Miolo: Preto e branco 
SINOPSE:
Cuida bem de mim! narra os altos e baixos vivenciados pelo jornalista Pedro Mota, morador de Salvador, pai da pequena Marina e que acaba de perder a mulher de sua vida, Gabriele, a Gabi. Dominado por uma crise profunda de luto, o protagonista sofrerá bastante e percorrerá um longo caminho para, no final, superar a perda e voltar a ser feliz. Portanto, esta é uma história de sofrimento, mas também de alívio, de dor mas também de superação. Logo, uma leitura bastante aconselhável. E inadiável. 


RESENHA
 Meus amores vocês não imaginam a alegria e a imensa satisfação que é estar aqui hoje para falar um pouquinho da obra “Cuida bem de mim!” da nossa amiga, parceira queridíssima Patrícia Brito. Já começamos com um carinho no coração da autora que nos presenteia com Vinícius de Moraes e seu Soneto da Separação, assim logo de cara “(...) de repente, não mais que de repente. Fez-se de triste o que se fez amante. E de sozinho o que se fez contente (...)”. Preparemo-nos então para uma jornada nessa história de amor, sofrimento, luto, altruísmo e superação.

A história se passa na capital baiana, onde nosso protagonista Pedro Mota tem um vida estável e feliz ao lado de seu grande amor, Gabriele, sua “Gabi”  e sua filha Marina, uma linda garotinha com uma inteligência e sensibilidade notáveis e encantadoras. No entanto toda a leveza e alegria acaba quando Gabi é diagnosticada com um tipo de câncer raro e agressivo. Corajosa, Gabi luta por sua vida, com o apoio incondicional de Pedro e toda a família. Apesar de toda a batalha, de ter sido feito tudo o que era possível, Gabi não pode mais suportar a doença que lhe devastou por completo e falece, deixando Pedro e Marina.

Pedro mergulha no luto, um dolorido, constante e duradouro luto. Negligencia seu trabalho, que tanto lhe trouxe satisfação um dia, e mais tristemente, afeta a pequena  Marina, que com sua sensibilidade aflorada e grande perspicácia para a idade, sente na pele a dor do pai, além da própria dor, a saudade da mãe e a necessidade de se sentir cuidada e amada. Pedro mantém um relacionamento amoroso com Liza, uma mulher inteligente, compreensiva, mas que também quer e precisa ser amada e cuidada como qualquer mulher merece ser amada por completo. 

O relacionamento vive em uma permanente corda bamba, pois Liza sabe que Pedro jamais conseguiu superar Gabi, até que a situação se torna de tal forma insuportável que até mesmo a mais tolerante e paciente das mulheres decidiria por abrir mão do relacionamento. Pedro, então, perde Liza, o que o abala profundamente.

Pedro entra então em uma espiral descendente de depressão e tristeza, deixando de viver, apenas se arrastando pelos dias, deixando-se dominar pela dor profunda, pela não aceitação e pela angústia. Tudo está prestes a desmoronar, mas Pedro conta com o apoio da mãe e da sogra, esta lhe chama para a realidade, faz com que ele questione a postura que está tomando perante a vida e a filha, que está sendo afetada por todo esse turbilhão. 

Pedro se compromete a tomar uma atitude, aos poucos vai se reencontrando, recuperando sua essência, seu trabalho, retomando o contato com os velhos amigos e percebendo que é necessário viver, encarar e sentir a dor, mas que essa dor vai dar lugar a uma saudade. Saudade que não vai passar, mas que vai ocupar um lugar tranqüilo e calmo em seu coração e na sua mente.

Quando finalmente acontece uma fantástica viagem à Irlanda, acertada por seu grande amigo e chefe Chicão, Pedro se vê diante da oportunidade perfeita de se livrar das amarras que não permitem que ele seja feliz. Inebriado pela beleza desse país maravilhoso, de natureza exuberante, cultura que transborda e de povo receptivo e alegre, Pedro se entrega ao momento.

Enfim, é uma leitura apaixonante, emocionante, na qual a autora habilmente nos leva a refletir muito sobre a nossa própria espiritualidade, quão profunda, ou quão rasa e superficial é nossa compreensão a respeito da vida, da perda de alguém que amamos de forma precoce, dolorosa e abrupta. Somos fortes o suficientes para aceitar e seguir a vida? Seríamos capazes de suportar a dor? Esse livro nos ajuda a ter esperança, a acreditar que temos sim força, que somos sim capazes de lutar e enfrentar as sombras do luto, da depressão com o devido apoio, com amor, ouvindo verdades que podem machucar mas que nos fazem acordar para a vida. 

Então, respire fundo, deixe a caixinha de lenços ao lado e embarque nessa jornada junto com Pedro. Eu amei! Beijos e até breve meus amores.

***
AUTORA:
Patrícia Brito
É natural de Teixeira de Freitas/BA, graduou-se em Turismo, Ciências Contábeis e Letras com MBA em Comunicação Corporativa. A sua paixão por marketing e escrita é imensa, ao ponto de sempre estar dedicando seu tempo em cursos e treinamentos, como: Edição de texto; Jornalismo Literário; SEO Marketing de conteúdo - Redator Hacker; Marketing Digital; Produção de Conteúdo; Escrita Criativa. O próximo investimento é o MBA na área de Marketing e claro!, participação ativa em simpósios e congressos por todo o Brasil.


Como autora, ela também vem desenvolvendo seu trabalho com entusiasmo, de maneira que desde 2015 marcou presença em várias antologias. Estreou como autora solo com seu livro: Decidir os caminhos da vida - publicado pela Editora Saramandaia em 2017. Em 2018, pela Editora PerSe, brindou seus leitores e admiradores com a obra Cuida bem de mim!, ganhando lançamento na 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo e homenagem da Academia Teixeirense de Letras. Ela também cultiva alguns prêmios literários como: Prêmio Castro Alves de Literatura, Comenda Benfeitor Cultural da Humanidade e, em 2019 sente-se honrada por mais uma conquista, ser Membra Efetiva da Academia Teixeirense de Letras, com a cadeira 22.
Atuando na área de assessora de marketing, em breve nasce o seu mais novo projeto - o próprio site - a escritora atuará como editora e produtora de conteúdo no universo business com uma equipe de qualidade. O site ainda encontra-se em contrução com previsão de estreia em Março deste ano.  
***
BY: Thaísa Salvador

Nenhum comentário:

Postar um comentário


© BOLG DA MARY - 2015-2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: MARY DESGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo