A Cadeira Vazia - Jeffery Deaver


Coleção Negra
Lincoln Rhyme #3
Sinopse:
O mais improvável e inteligente de todos os detetives da história da literatura policial ressurge neste thriller do americano Jeffery Deaver. Ao ficar tetraplégico em um grave acidente, o brilhante criminologista de O colecionador de ossos, Lincoln Rhyme vê a possibilidade de melhorar seu condicionamento físico em uma arriscada cirurgia experimental. Mas antes de tentar sua recuperação, ele se envolve em uma caçada humana pelos desolados pântanos da Carolina do Norte. Em um escritório improvisado na delegacia local e com a ajuda de sua assistente Amelia Sachs, o especialista comanda a busca a um sequestrador e assassino apelidado de Menino-Inseto. Suspense repleto de intrincados elementos e surpreendentes reviravoltas.

Sobre o autor:
Jeffery Deaver, um ex-jornalista, cantor e advogado, é um dos maiores autores de best-sellers internacionais. Seus romances apareceram nas listas de best-sellers de todo o mundo, incluindo o New York Times , o Times de Londres , o Corriere della Sera , o Sydney Morning Herald e o Los Angeles Times . Seus livros são vendidos em 150 países e foram traduzidos para mais de vinte e cinco idiomas. Ele vendeu 50 milhões de livros em todo o mundo.

Autor de mais de trinta e cinco romances, três coletâneas de contos e um livro de leis de não-ficção, além de letrista de um álbum country-western, ele recebeu ou foi selecionado para dezenas de prêmios em todo o mundo. Seu The Bodies Left Behind foi nomeado Novela do Ano pela International Thriller Writers Association, e seu thriller de Lincoln Rhyme, The Broken Window, e Edge , Edge , também foram indicados para o prêmio, assim como um conto. Ele foi premiado com o Steel Dagger e o Short Story Dagger da Associação Britânica de Escritores de Crimes e o Nero Wolfe Award, e ele é três vezes vencedor do Prêmio Ellery Queen Readers de Melhor Breve História do Ano e ganhador do prêmio. o British Thumping Good Read Award. Solitude Creek e The Cold Moon receberam o número um do ranking de Kono Misurteri Ga Sugoi no Japão. 

A Lua Fria também foi nomeada Livro do Ano pela Associação de Escritores Misteriosos do Japão. Além disso, a Associação Japonesa de Ficção de Aventura premiou o The Cold Moon e o Carte Blanche com o prêmio anual Grand Prix. Seu livro The Kill Room foi premiado com o thriller político do ano por Killer Nashville. E sua coleção de contos, Trouble in Mind , também foi indicada para melhor antologia por essa organização.

Resenha:

Para quem é fã de história de suspense e investigação criminal, o autor Jeffery Deaver é mestre no gênero. Quem não teve a oportunidade de ler seu livro “O colecionador de Ossos”, mas assistiu ao filme, estrelado por Denzel Washington e Angelina Jolie, sabe exatamente do que estou falando. Em “A Cadeira Vazia”. O criminalista especialista Lincoln Rhyme e sua parceira Amelia Sachs vão investigar uma série de sequestros de mulheres em uma pacata cidadezinha do interior da Carolina do Norte. 

O caso parece fácil pois o suspeito, o Menino Inseto, já é conhecido por todos na cidade. Eles terão somente que seguir as pistas para encontra-lo, juntamente com suas vítimas. Porém, nada é o que parece, e pela primeira vez, Amelia não confia no julgamento de Lincoln e se envolve em uma perigosa fuga para tentar salvar um possível inocente.

Aliado a todos esses acontecimentos, Lincoln tenta um tratamento experimental que pode melhorar sua condição de saúde para que possa ser um companheiro melhor para Amelia, que continua sendo muito mais que uma parceira de trabalho. 

Mas Amelia também não concorda com esse tratamento, pois pode colocar a vida dele em risco. E esta será mais um ponto divergente nessa intrigante e interessantíssima história.

                                                                                                                   By:
Cristina Daitx
Resenhista Literária
Letróloga

2 comentários:

  1. Oi Cris, adoro suspense e investigação criminal. Estou assistindo "Safe" que é dirigido por Harlan Cobem.
    Achei este livro que tu resenhou incrível, conheço "O colecionador de ossos", mas nunca li.
    Adorei tua resenha.
    Bjos
    Vivi
    http://duaslivreiras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Também adoro Harlan Cohen Vivi, é um dos meus autores preferidos do gênero! Jeffery Descer é quase um pai de toda essa nova geração, se você conhecer também vai se apaixonar. E muito obrigada pelo apoio! Bjs!!

    ResponderExcluir


© BOLG DA MARY - 2015-2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: MARY DESGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo