CONTO: A vida fora da comunidade - Léia Souza - 3º lugar

Arte: Larissa Dutra
 http://duaslivreiras.blogspot.com.br/
Em uma pequena comunidade moram Lucas e seus pais. Estes já idosos  não conseguiam mais trabalhar e Lucas, mesmo estudando, trabalhava a noite como garçom em um restaurante para ajudar sua família.
O rapaz sofria muito, pois  além de pertencer a uma comunidade,  era negro e com um jeito de falar muito simples. Por conta disso era muito ofendido pelos clientes, mas não podia reclamar, uma vez que aquela era a única oportunidade que  teve para ajudar seus pais.
Numa certa noite chegou um rapaz e o jovem Lucas logo foi  atendê-lo:
 - Oi, boa noite!
O rapaz, que estava acompanhado de uma moça, responde:
- Boa estava antes de você ter vindo até aqui.
E olhando em volta esbravejava:
-  Não quero ser atendido por esse negro e além de tudo é favelado! Chamem outro garçom! De preferência “gente” e não esse favelado!
Naquele dia Lucas foi para casa muito triste,  no caminho encontrou seus amigos e ao verem aquele triste semblante, logo perguntaram:
- Como vai “mano”, tudo “em cima”?
- Não muito... Perdi meu “trampo”...  Como vou ajudar meus pais agora?
- Já é mano, vamos dá um jeito!
- Como “véi”?
- Deixa com “nóis”!
Lucas começou a se envolver com drogas e outros rolos e seus pais que sonhavam tanto em ver o filho se formar em Medicina, pois esse era o maior sonho dele,  num dos assaltos que começara a praticar, Lucas é atingido por uma bala perdida e vem a falecer. Nem fome, nem miséria, nem  coisa alguma doeu  mais naqueles pobres e desamparados velhos que a morte do seu único filho.

Mais um sonho que nunca iria se realizar. 


***

Este projeto foi realizado em Ouro Verde - Minas Gerais, com idealização da professora Sandra Paula Xavier Santos Lewicki - E. E.Vereador luzo Freitas Araújo. 
Serão expostos uma vez por semana, três, dos seis vencedores do concurso de escrita - Conto Psicológico e Conto Social, na qual mediei uma palestra e entreguei os certificados . 


Visite o Site. Clique Aqui.

Leia Mais ››

Academia Teixeirense de Letras - Castro Rosas




Castro Rosas é poeta natural de Santo Amaro da Purificação (BA), mas vive em Teixeira de Freitas, no extremo sul da Bahia, há muitos anos, onde formou família e atua no ramo do comércio.

Ele é autor dos livros de poemas “Prelúdio para Elis”, “Eu e meus Eus” e “Lembranças”, além de outros livros inéditos, como “Cíclica Dialética” e “No silêncio Escrevi Palavras”.
Teve os poemas “Assustado”, “Lembranças” e “Pesadelo” classificados para o projeto Mapa da Palavra, da Fundação Cultural da Bahia (FUNCEB).

É Membro Efetivo Fundador da Academia Teixeirense de Letras (ATL), ocupando a Cadeira 08, da qual é patrono o saudoso Amazias Barreto de Morais.

No ano de 1996, Castro Rosas venceu o concurso de poesia da Casa de Cultura de Ipiaú, com o metapoema “O Poeta”.

Em 2017, obteve a 2ª colocação no I Prêmio Castro Alves de Literatura, categoria Poesia, versão interna, com o poema “Ao Entardecer”. No mesmo prêmio, categoria Crônica/Conto, versão interna, ficou com a 3ª colocação com o texto “Delírio”.
Castro Rosas é filho dos saudosos Benedito Rosas e Ruth Capinan Rosas, o que sinaliza que ele pertence a uma das famílias com destaque na música e na literatura baiana. É sobrinho do poeta, músico e acadêmico José Carlos Capinan.

Inspirado e ativo, CR segue admirado pelos familiares, amigos e confrades. Ultimamente tem experimentado a prosa, compondo crônicas e contos.

***

Fiquem Ligados! O Próximo a ser apresentado é Érico Cavalcanti.

                                                                                 BY:
www.patriciabritto.com




Leia Mais ››

Academia Teixeirense de Letras – RAMIRO GUEDES

Ramiro Guedes da Luz – mais conhecido como Ramiro Guedes – é um radialista, cronista e poeta mineiro natural de Teófilo Otoni e radicado em Teixeira de Freitas (BA) há mais de trinta anos.

Ele ocupa a Cadeira 07 da Academia Teixeirense de Letras (ATL), da qual é também Conselheiro. Faz parte do rol de Membros Efetivos Fundadores da instituição literocultural.

Depois de desistir do seminário e se graduar em Letras Vernáculas pela Universidade Católica de Minas Gerais (PUCMinas), acabou optando pelo radialismo. Foi repórter na Rádio Teófilo Otoni e na Rádio Imigrantes.

A convite do saudoso prefeito de Teixeira de Freitas Francistônio Pinto, assumiu a direção da Rede Sul Bahia de Comunicação. Nesse meio tempo, passou dois anos em Porto Seguro, onde foi diretor de jornalismo do Jornal Diário e da Rádio Porto Seguro FM.
“Retornando a Teixeira, tornei-me diretor de jornalismo da Rádio Cidade FM. Nesse período escrevi colunas em vários sites e jornais da região, fui professor no Colégio Rômulo Galvão e, com outros colegas bem mais valorosos, dono do Curso Desafio Pré-Vestibular”, disse o próprio Ramiro Guedes.
Comanda há mais de 25 anos o programa “Almoço à Brasileira”, atualmente transmitido pela Rádio Sucesso FM. Trata-se de um programa especializado em música regional e MPB. Enfim, uma referência musical e cultural.
Durante a administração do prefeito João Bosco, Ramiro Guedes foi titular do Departamento Municipal de Cultura.

Embora inédito em livro, é autor de inúmeras crônicas e poemas, além de reportagens, pois se tornou um dos jornalistas mais reverenciados em Teixeira de Freitas e no extremo sul da Bahia.

Marcou presença na antologia “ATL em verso e prosa!” com a crônica “O Circo Nerino” em 2016. Ganhou uma menção honrosa no I Prêmio Castro Alves de Literatura, categoria Poesia, versão interna, com o poema “Feliz Ano Novo”.
No próximo dia 2 de dezembro será homenageado pela Academia de Letras de Teófilo Otoni (ALTO) pela trajetória como homem de comunicação e de letras.

Enquanto isso, segue torcedor do Cruzeiro, leitor privilegiado e, especialmente, amigo e confrade de todas as horas.

Fiquem ligados! O próximo  é o poeta Castro Rosas.

***
                                                                                                                By:
www.patriciabritto.com



Leia Mais ››

Poesia para a ALMA - Pedro Henrique Pinheiro Barbosa


Livro da vez

SINOPSE:
Neste livro vocês irão encontrar pequenas poesias, que nos permite apresentar o outro lado da satisfação humana, o lado da reflexão, do existir, do pensar, expondo fatores como: Nunca desistir dos sonhos, perseverar nas dificuldades, acreditar em si próprio, o porquê do saber esperar, entre outras sínteses interessantes, sendo um excelente companheiro para o seu bolso ou cabeceira.
Boa Leitura !!!! 

Compre o livro aqui: Clube dos Autores

Pedro Henrique Pinheiro Barbosa

Nasceu na cidade do Rio De Janeiro, eterno estudante da Arte, fã de livros biográficos, começou a escrever há pouco tempo. Adepto de poemas e poesias, sempre visualiza na Arte uma forma de mostrar um pouco de sentimento da cultura chamada poesia. Em sua obra ele propõe entreter o leitor com sua linguagem clara e sucinta.







***

                                                                         By: 







Leia Mais ››

Atenção MOTOCICLISTAS

Arte: Dido - IBMC
Comunicado & Pedido.
Eu estou construindo um trabalho jornalístico e preciso traçar UM PERFIL - de alguém ou algo.  Por vivenciar o universo dos motociclistas decidi assim, escrever sobre esta classe de infinitas formas:
O perfil de duas rodas, 
Motociclistas, 
Moto Clubes (pequeno, médio ou grande), 
Quem vive deste mundo ou, 
Quem é um simples apaixonado por duas rodas. 

Regras e Avisos
✔️Entrar em contato pelo e-mail: leiturasplus@gmail.com
✔️Informe no e-mail que tem interesse. Seus dados mais essenciais com: Nome - idade - Cidade/Estado - Moto Clube (quantos integrantes) - Moto - desde quando é motociclistas e se poderei agradecer no final do meu texto a você.
✔️Escreva uma história sua (não será publicada - mas precisarei expor meu texto para meu grupo de estudos jornalísticos e em seguida neste site; A sua história servirá de base para construção do perfil escrito por mim; por isso preciso ter certeza se será possível coloca-lo nos meus agradecimentos. (VOCÊ DECIDE).
✔️História, viagem, encontros, rock, amor ❤️, sua paixão por este mundo peculiar,  velocidade, moto esportiva, moto Custom, um episódio. Escreva o que você gostaria de contar. FIQUEM A VONTADE.
✔️Escreva sem se preocupar com texto bonito (essa parte estou estudando, para ao menos tentar fazer o melhor). Então, apenas conte o que deseja; desabafe,escolha um episódio e  me apresente seu mundo de duas rodas. 
✔️Tamanho do texto: 1 página word com máxima de 2 páginas - Fonte: Times, tamanho 12 OU caso prefira, envie um ÁUDIO contando sua história ( optando pelo áudio, informar no e-mail).
✔️ Por quê - quando - onde - como - o quê - quem? O básico para nortear um bom texto.
✔️ Este é um projeto jornalístico , com objetivo MAIOR de escrita (Fiquem ligados que vem mais  novidades deste mundo peculiar).
✔️Caso algum motociclista tenha interesse de expor sua história no site Leituras Plus, em formato de relato ou crônica, podemos conversar e entrar em acordo, com muito amor e Rock in Roll. 
✔️ Claro! Tudo tem prazo. Tenho limite de data para estudar e produzir o texto. Logo, irei receber os texto a partir de 10/10/2017 até o dia 20/10/2017. Em seguida terei duas semanas para estuda-los e produzir.
✔️ Espero poder contar com essa família maravilhosa, que sempre recebe bem e continua abrigando com amor em eventos e nas viagens de duas rodas pelo Brasil afora.


Beijos na alma
Patrícia Brito - www.patriciabritto.com


Leia Mais ››

LANÇAMENTO : Cem Dias Na Prisão - Marcos A. Junior

Marcos A. Junior

É natural de Recife - PE. Formado em análise de sistema e administração, mas só encontrou o verdadeiro prazer da vida quando teve sua primeira obra publicada, Herbert Flinch - O Manipulador de Sonhos (Giostri,2016)







ISBN-13: 9788551601174
ISBN-10: 8551601172
Ano: 2017 / Páginas: 223
Idioma: português 
Editora: Giostri
SINOPSE
Thomaz é um jovem de 18 anos, aspirante a escritor, e conta aqui a história mais marcante que já viveu. Durante cem dias ficou preso à sanguinária batalha entre o bem e o mal. Seus sentimentos foram embaraçados e o único desejo que possuía era de livrar-se de tal obscuridade com a tradução de pensamentos em palavras. Suas lembranças foram alteradas. O gênio do mal brincou com as suas suposições. O ambiente no qual esteve foi o pior. Foi largado na imensidão do esquecimento. Abandonado aos seus pensamentos mais trágicos. Destinado a viver toda a vida longe dos pais, irmãos, mulher e sem poder conhecer o filho que estava por nascer nos próximos meses. Tudo o que necessitava era uma saída. Algo que o livrasse da tragédia que é viver preso às grades. As palavras foram o seu refúgio durante dias, mas ele começou a absorver o que o ambiente mais propagava, o mal. Que os pensamentos bons carreguem-no por todo o tempo de sanidade que ainda o resta. Cem dias, noventa horas ou apenas cinco minutos.

REDES SOCIAIS



By: Patrícia Brito
Leia Mais ››


© BOLG DA MARY - 2015-2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: MARY DESGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo