50 tons de liberdade - E.L.James


Autor(a): E. L. James
Ano de lançamento: 2012
Editora: Intrínseca
Nº de páginas: 544
Tradução: Maria Carmelita Dias

SINOPSE

Cinquenta Tons de Liberdade - Quando a ingênua Anastasia Steele conheceu o jovem empresário Christian Grey, teve início um sensual caso de amor que mudou a vida dos dois irrevogavelmente. Chocada, intrigada e, por fim, repelida pelas estranhas exigências sexuais de Christian, Ana exige um comprometimento mais profundo. Determinado a não perdê-la, ele concorda. Agora, Ana e Christian têm tudo: amor, paixão, intimidade, riqueza e um mundo de possibilidades a sua frente. Mas Ana sabe que o relacionamento não será fácil, e a vida a dois reserva desafios que nenhum deles seria capaz de imaginar. Ana precisa se ajustar ao mundo de opulência de Grey sem sacrificar sua identidade. E ele precisa aprender a dominar seu impulso controlador e se livrar do que o atormentava no passado. Quando parece que a força dessa união vai vencer qualquer obstáculo, a malícia, o infortúnio e o destino conspiram para transformar os piores medos de Ana em realidade,...





RESENHA

O último livro da trilogia Cinquenta Tons, inicia bem romântico com a lua de mel de Cristian Grey e Anastasia Steele.  E essa lua de Mel vai até o capitulo cinco. 

Uma Lua de Mel romântica, controladora, algumas surpresas e compras absurdas, como por exemplo o biquíni de $540,00. Surpresa como, Ana apronta depois de um dia de tédio, onde Christian trabalha. Ela o surpreende e milagrosamente ele não fica bravo.

Mas como nada é perfeito, a lua de mel tem sim as brigas do casal e um novo atentado. Dessa vez a vítima é o escritório do Grey, que pega fogo e o suspeito do atentado é o mesmo. Ana tenta disfarçar seu nervosismo mais não consegue muito e Christian percebe.

No último dia de Lua de Mel, uma mini aventura assusta o casal Grey. 

A cena de retorno para casa inesquecível, é o Christian tocando piano a música 
 "where You Will Go" (inevitável acabei pesquisando não somente essa como a música que Ana coloca no celular na chamada do seu marido "Your Love is king" da Sade, amei as duas músicas).

Ao retorna da lua de mel o casal Grey logo conhece o novo vizinho Noah Logan,  Ana o acha muito simpático, mas Christian não. 


 "...primeiro o Charlie Tango (queda do helicóptero) depois o incêndio na sede da empresa e em seguida esse maldito carro nos perseguindo..." (123)


Mesmo sendo o último livro e muita coisa foram revelada no livro anterior, o "Liberdade" também acontecem muitos fatos que nos prendem, mesmo sendo mais pegajoso, exageros como "eu te amo" e romantismo demais, para um rapaz que não acreditava nessa possibilidade.

A brigas intensas ainda continuam, como o fato de Ana não querer mudar seu sobrenome para Grey, ou ela desobedecer o Christian em uma viagem deixando-o super nervoso ao ponto de adiantar sua viagem de volta, por causa do incidente.


"Mas poderia ter acontecido. eu morri mil vezes hoje pensando o que poderia ter acontecido. Eu estava furioso Ana. Furioso com você. Furioso comigo mesmo. Com todo mundo...." (225)



Por conta da sua desobediência Christian resolve puni-la, no quarto vermelho. 


"Não, não, não. Ana Por favor. Não" (237)

Os mistérios dos atentados começam a ser revelado, e o sabotador, perseguidor é alguém que confesso, já esperava ser ele, mas a surpresa maior, foi a pessoa que o ajudou em todo seus atentados e ameaças.





"Ninguém toca no que é meu" (291)


"Eu gosto de cuidar de você. É o que eu gosto de fazer." (295)



Chegando no final do livro, dois momentos tensos ocorre. O primeiro é o acidente que deixa  Ana desestruturada, e recebe um apoio fofo do Christian.



"E onde mais eu estaria? Quero estar onde você estiver, Ana. Estar aqui me faz pensar em como chegamos tão longe. e a primeira noite que dormimos juntos. Que noite! Fiquei observando você por horas e horas" (352)


Tem infinitos momentos tenso para um livro final de trilogia. 

"Não quero ficar pobre... Já passei por isso...(361)




"Você fez meu mundo virar de cabeça para baixo....meu mundo era organizado, calmo e controlado. Aí você entrou na minha vida, com essa sua boca afiada, a sua inocência, a sua beleza e a sua coragem discreta....tudo antes de você ficou ...medíocre...(479)


"...Não quero dividir você..." (484)


Final do livro é o esperado e bonito "FELIZES PARA SEMPRE.".


Mas após o fim da história vem um presentinho fofo para os apaixonados ao Christian Grey. Três capítulos, na qual ele narra sua versão da história.

E a minha conclusão é: Se o livro fosse narrado pelo Grey, seria muito mais gostoso e delicioso de ler. Mas o meu saldo foi positivo, mesmo não sendo meu livro favorito este último, a história do casal não deixa de ser fofa. Ver o Christian, um bilionário, que pode ter a mulher que escolher e quantas achar necessário, sendo dependente e louco pela Ana, eleva a alma de qualquer uma.

E a pergunta que fica é: Por que a maioria dos livros hot, a narração são delas e não deles?



Cena inesquecível   momento em que Grey fica desesperado, desnorteado na possibilidade de perde-la. E claro o amadurecimento da história de amor.



A chatice fica por conta de ser Muito romântico (risos) o Grey muito seguro de si.


RECOMENDO Sim. Para quem acompanhou as esstória, mesmo sendo muito óbvio o final. o livro vale a pena. mas para quem odeia livros hot, não! Não recomendo!





Patrícia Brito

Nenhum comentário:

Postar um comentário


© BOLG DA MARY - 2015-2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: MARY DESGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo