AMOR EM JOGO - ANATÉ MERGER



Ano: 2014 
Páginas: 378
Idioma: português 
Editora: ASES DA LITERATURA


SINOPSE:

Amor em Jogo - Aos vinte anos, Alix perdeu os pais, a fazenda onde morava no interior da Provence e toda a esperança de ter um futuro.Sem saída e rezando por um milagre, ele surge na forma de um emprego que parece ser extraordinário: durante três meses, ela vai trabalhar em uma mansão com vista para a baía de Saint-Tropez por um salário milionário. O proprietário é Clif Forestier, um astro do cinema excepcionalmente belo, extremamente rico e cinicamente sórdido. O oposto de Nathan, um jovem comerciante 
sensível e cativante, por quem ela começava a sentir algo especial até que o encontro explosivo com o ator desperta em Alix sensações que ela desconhecia.O verão começa e, aos poucos, ela percebe que é apenas uma carta do baralho no qual luxo, mentiras e sexo fazem parte de um contrato que coloca muito mais do que 
a sua dignidade em jogo: se quiser descobrir e ganhar quem realmente ama, Alix vai precisar enfrentar os seus demônios e apostar alto.
As cartas estão na mesa. Uma nova partida da "Confraria de Ases" vai começar!

"Ela gosta da companhia dele, sempre educado e gentil. Com ele a conversa 
flui normalmente e ela praticamente esquece o delírio que está vivendo na "Confraria de Ases", mas Alix não consegue entender por que não afasta os pensamentos que envolvem Clif Forestier, cada vez mais insistentes durante o dia e a noite. A presença 
inibidora do ator e de tudo o que o cerca mexe com ela, mas ela não sabe exatamente como. Os sentimentos se cruzam e se debatem: medo, atração, desejo e tudo isso misturado ao interesse que crescia a cada dia por Nathan."



RESENHA



Jesus AMADO! Que livro é esse?...

Essa é a primeira resenha em parceria.  E a escritora Anaté Merger surpreendeu-me neste livro delicioso. É com esta obra que também inauguro um quadro novo no blog. "Semana do escritor" neste caso "Semana Anaté Merger"

O livro é um romance narrado em terceira pessoa. Os capítulos são curtos, o que facilita e muito em se agarrar a leitura. Apesar das páginas ser  brancas, (dificulta a leitura às vezes), as letras são grandes, fator benéfico para o apreço.

Inicialmente o livro começa com o drama de Alix, em Liberon Provençal (local onde consta 400 habitantes e abriga um castelo que pertenceu ao Marquês de Sade. Fica em Provença).
Um luto doloroso, portanto de imediato sofremos junto com a personagem, além deste percalço, sua condição não é favorável e tudo se encaminha para um “beco sem saída”.

Até que a amiga de infância Manon, chega para socorrê-la. Manon agora é uma modelo de sucesso e é conhecida pelo nome de Trixie. Sem condições de raciocinar, ela aceita o convite da amiga que a leva para um caminho desconhecido.  Neste trajeto, Trixie conta com as loucuras da carreira de modelo.

Amor em jogo se passa na França. A cada localidade narrada, uma viagem inesquecível. Mas é em Saint-Tropez que a estória centraliza. Estreia morno e bem devagar. Mas  a durabilidade. Após o morno, Amor em Jogo esquenta e é praticamente impossível ler poucos capítulos em um dia.

Ao chegar à cidade e ao apartamento de Trixie, Alix logo conhece Zoé . Em Saint-Tropezuma nova rotina, uma nova vida é iniciada para Alix. Passeios, novo rapaz, o doce e tímido Nathan, as amigas transformam o visual de Alix e várias tentativas em busca de emprego sem sucesso.

Mas o Nathan encanta Alix e tudo é motivo para admirá-la, visita na feira onde trabalha. Ela não consegue uma conversa em paz com o jovem.
Logo em seguida Alix conhece Zac  E é através de Zac que Alix passa a conhecer

“Confraria de Ases”“O emprego me pareceu uma oportunidade” (150)

Confraria de Ases é um emprego, ou local misterioso, tudo é sigiloso, o contrato é enorme. No início você não entende bem o sentido da Confraria. Quem comanda é um astro de Cinema o Clif Forestier, um rapaz milionário e cínico. Sem muita opção por sua condição e mesmo com inúmeros alertas de Nathan, Alix assina o contrato fazendo ficar completamente desnorteada com o doce Nathan e o irresistível Clif.

Homem misterioso deixa a leitura mais atraente, e quando o personagem é um “um problemático do bem” a obra eleva adrenalina de um leitor

A cada capítulo surgem fortes emoções e o mundo da Confraria aos poucos é revelada. Assim, cada vez mais ela precisa de Nathan para acamá-la.

“Você faz parte da confraria, eu tenho todos os direitos de tê-la quando e como desejar” (165)

“eu lhe disse que poderia confiar em mim, Alix, mas tenho a impressão de que não acredita que estou realmente interessado e preocupado com você...(186)

A cada revelação do  "Confraria de Ases", Alix se choca com o mundo do astro. Uma mistura de ódio e desejo por Clif que a deixa perturbada. Mas o doce Jardineiro, a quem Alix consegue um entrosamento afetuoso de imediato, revela o verdadeiro Clif. Uma estória dolorida .

Quando chega o capítulo 35 é chocante. Clif passa todos os limites tentando esconder os sentimentos que sente por Alix em um ato totalmente constrangedor e perturbador. Isso deixa Alix muito mal, principalmente depois do que acontece com o jardineiro, o Sr. Henri.

“Às vezes, a verdade tem muitos disfarces e, para descobri-la, você precisa ter coragem para tirar as mascaras” (254)

Clif estar completamente obcecado por Alix! Mas não aceita ela ter assinado o contrato e participar da "Confraria de Ases" surpreendo-o consigo mesmo.

“A única coisa que penso em fazer agora é beijar você. O que está fazendo comigo? (282)

O Livro tem seu momento de virada, para alguns, previsível., para outros, chocante. Quando Alix toma uma decisão drástica, deixando Clif completamente desnorteado e desesperado. Entra a melhor parte do livro, são páginas e mais páginas singelas a partir do capítulo 35.

“Amo profundamente essa mulher...Agora que Alix sabe.... eu não tenho mais nenhuma chance” (288,289)

Quando o leitor se acalma, surge  mais um momento bombástico. Clif vai ter que suar muito,  e desenvolver uma lábia persuasiva para  Alix perceber que ele não é um monstro que a boa moça pensa.

Final previsível, porém encantador.

Um livro que pode ser clichê, mas sem deixar de ser uma leitura doce.


Patrícia Brito

2 comentários:

  1. Amei a resenha. Muito bem escrita.
    O livro parece ser muito bom. Parece ter suspense, o que eu gosto.
    Parabéns. Foi uma boa indicação.
    ABraços!!!

    obrasdeumjovemescritor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é uma história de amor ..... misterioso e gostoso de ler. Amei o desfecho da história e a criatividade da escritora.
      Obrigada pela visitinha e participação
      Abs.

      Excluir


© BOLG DA MARY - 2015-2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: MARY DESGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo