NOVEMBRO 2014 - LEITURAS

Livros que apreciei no mês de Novembro




Esse livro, foi primeiro do mês. Ele deixou traumatizada. Esperava uma coisa mas era outra. Foi o livro mais difícil para concluir, mas não desisti e fui até o final. Confesso: Não gostei.



















Em seguida, iniciei Renascer de um Outono, amei loucamente e fiquei Fàda Samanta Holtz. Recomendo este que ao meu ver, superou " A Culpa é das estrelas" . Mexeu com minha alma, até a forma de levar a vida.
Amei de mais.
















Este livro deixou minha alma agitada causando muito tremelique (Resenha na Segunda). Tem cenas quentes e uma relação intensa, forte. Amo livro intensos, com diálogos profundos. Conclusão: Leio outros livros, mas não consigo esquecer o Richard.








Finalizei o mês de novembro com chave de ouro. Com Renato deixando muito nervosa e com vontade de entrar no livro para dar umas porradas nele. Me diverti muito com o livro do Laplace Cavalcanti (resenha em breve).
Leitura leve, divertida, é para rir bastante. PERFEITO para encerrar o mês.












Leia Mais ››

RENASCER DE UM OUTONO - SAMANTA HOLTZ


                                                       


Título: Renascer de um Outono
Autor: Samanta Holtz
Editora: Novo Século
Páginas: 368
Gênero: Romance
País: Brasil
ISBN: 9788542803600


SINOPSE

A vida aos dezoito anos está muito diferente do que Anna Hills havia sonhado. Sozinha em uma cidade estranha, reprovada no vestibular e demitida do emprego, ela enfrenta a difícil batalha para superar o desânimo e ir em busca de um lugar no mundo que possa chamar de seu. Determinada a deixar os fracassos para trás, Anna descobre nos classificados a vaga para baby sitter de uma garotinha que vive com o tio. No entanto, ela não imagina que aquele pequeno anúncio de jornal se tornará o passaporte para as maiores emoções da sua vida, colocando-a face a face com mudanças, escolhas e com John, o rapaz que amava em segredo desde a infância, em um encontro que os levará a desvendar o verdadeiro sentido do amor, da vida e da importância de fazer cada instante vivido valer a pena. Em uma tortuosa e apaixonante jornada, Anna descobrirá a força de uma grande amizade, a dificuldade de se conquistar o coração de uma criança e, acima de tudo, o poder transformador do amor, naquele que será o melhor e o pior outono da sua vida.


RESENHA:

Não posso deixar de iniciar falando da linda capa. Para mim a capa é apresentação do livro. Samanta Holtz mostrou o infinito talento ao escolher essa capa. O que me chamou a atenção é que por amar frio e primavera, a capa deste fez meu coração disparar, foi "Amor a primeira Vista".  É a mais bela que já encontrei (sem exagero).



Volto a repetir, cada vez que conheço um escritor brasileiro, os escritores estrangeiros vão "perdendo" espaço na minha estante. Agora a mais nova escritora, que vou amar resenhar outros livros além deste, é a Samanta Holtz.

A Samanta me surpreendeu, achei que só Nicholas Sparks conseguiria fazer chorar ou que não encontraria livro que superasse "A culpa é das Estrelas" Mas a Samanta superou nesse.


O livro é narrado em primeira pessoa por Ana e  inicia falando de como ela perdeu sua mãe e da sua luta em tentar o vestibular em Medicina Veterinária. 

Ela até os 18 morava com os pais e irmãos em Movva. A cidade eu imaginei alguma cidade Sul, como Gramado, ou Campos do Jordão. 
A Anna descreve seu amor pela cidade, como uma cidade linda de interior. 

Desde que perdeu a mãe Ana prometeu a si que não daria mais gastos ao pai. Assim ela mudou para Icefall cidade natal da melhor amiga Raquel e lá conseguiu o primeiro emprego como Garçonete. Passou a morar em um apartamento de baixo custo que tentou deixar bem aconchegante, porém nada se compara a casa dos pais.


A história segue com vários questionamentos, que Ana faz sobre sua vida aos 18 anos, a decisão de não pensar em John, um amor platônico que ela guarda desde os tempos de colégio. A imensa saudade , da amizade e dos conselhos, da mãe, e é essa saudade, que a faz afastar um pouco do pai e dos irmãos.


Depois de muito tempo ela liga para o pai e tem uma conversa com muitas  saudades. O pai pediu para ela voltar, mas Anna está decidida a enfrentar a vida em Icefall. Mesmo que para isso tenha que enfrentar alguns desafios difíceis, como Cindy, e Sr. Lopes.

Ana decidi também  encarar o emprego de garçonete, mesmo sendo muito desgastante. Em certo dia, ao ir para o trabalho ela dar de cara com Cindy, que classifiquei como a filha cobra desfaçada de anjo de Sr. Lopes dono do prédio onde Anna mora. 
Esse dia foi completamente tumultuado para Ana, desde o encontro com Cindyaté no trabalho onde conhece e tem breve envolvimento com Rob. 
Esse breve envolvimento faz Anna perder o emprego e ser humilhada por Sr. Mattos. Ana sai perdida e desnorteada do restaurante sem saber o que fazer.

É nesse momento que realmente o livro inicia os acontecimento. Aconselho a ler com calma, porque tudo no final tem um significado, um sentido. Nesse momento frases marcaram minha leitura como:


"...Algumas coisas se somam a nossa caminhada,porém outras ficam para trás. Inevitavelmente. Tentar carregá-las quando não cabem mais em nossa bagagem pode acabar esgotando nossas forças"(31)



"...lidar com pessoas podia ser muito difícil, porém era gratificante... Especialmente quando conseguimos fazer a diferença na vida do próximo" (47)


É também nesse momento do livro que inicia meus arrepios com o livro. Caprichei na leitura com calma, porque esse doce mistério eu tinha absoluta certeza que teria alguma ligação, mas na frente.

 Depois de muita procura ela vê anuncio de Baby Sitter com possibilidade de morar no local, ou seja, babá de uma criança de 6 anos. Ana adora a ideia e se arrisca ligar.


"...Não há mudanças sem riscos...quem não arrisca não se fere, mas também não se conquista. Quem não luta, não perde, mas também não ganha. Quem não tenta não prova o amargor da frustração, mas também não saboreia a doçura da vitória. Afinal, eliminando o risco de dar errado, também eliminamos o risco de dar certo".(55) 


Nesse momento uma nova vida inicia para Anna. Ela consegue um novo emprego como Babá na casa de Ricardo Frenzier

Amo quando encontro um homem cavalheiro, educado, onde tem tudo e ainda preserva o principal, a humildade. O Ricardo me encantou desde o primeiro momento, me apaixonei pelo homem, patrão, amigo, tio que ele transmitiu ser. (Como seria bom encontrar seres humanos e patrões assim)


Amei os trechos sobrenaturais do livro, e amo quando tudo no final tem ligação e explicação. 

O Rob torna um amigo, que, mas na frente, Anna tem uma doce e preocupante descoberta que afetará sua amizade com Raquel.

Ainda nesse trecho achei Anna um pouco impulsiva ela nem sabe se ficará no emprego e já foi para entrevista de mala e tudo, na certeza de mudança e vida nova. Mas em seguida lembrei da frase da página 55, e cada vez mais tinha certeza que tudo tem uma explicação.

Nos capítulos seguintes a batalha de Ana tornam maiores. Lauren não gosta de ter babar e amizade forte que nasce entre seu tio e Anna inicialmente a incomoda. Mas Anna não perde o rebolado e encara o trabalho. Na casa de Ricardo ela conquista a todos, principalmente a Joana que vem da família cigana e pedi sempre Anna para ter paciência porque dias melhores virão.


Ainda assim, Lauren continuou se comportando muito mal, mas as palavras de Joana estavam corretos. A voltas as aulas, o balé, Lauren começou a ser menos hostil com Anna, ambas, de leve, inicia uma aproximação. Com o patrão também inicia uma linda e forte amizade (amo livro que tem amizade forte entre um homem e um mulher). Mas na verdade, queria muito era que Ricardo e Anna ficasse juntos . 

Muitas coisas ainda iriam acontecer. E nesse momento, voltei a pensar na Cindy e advinha? Ela volta a aparecer e infernizar a vida de Anna. Mas quem aparece também é o John o amor platônico de Anna e nesse momento, você não consegue mais parar de ler. Vários fatos vão acontecendo e a cada capítulo fica mais intenso e emocionante.
A Samanta me fez ter raiva do John em seguida fez  chorar, e por fim questionei, Por quê com a Anna? Ela não merece!!!

Por conta dos fatos que mexem com sua vida, Ana  pede a Ricardo uns dias de folga para visitar a família e refletir sobre a vida e seus sentimentos. Ricardo concorda liberando o tempo que ela achar necessário.(ô patrão perfeito!)


O livro é emocionante, e por um momento você lembra da triste doce história de "A Culpa é das estrelas". Mas confesso, achei mais emocionante, por haver uma continuidade.

Aproximando do final, revelações acontecem, uma perda dolorosa e a manifestação de Lauren, o porque ela prefere ser fria, do que se aproximar de alguém.

E o final? mais um livro que arrepiei, e me emociono só de lembrar. Amei, amei, amei, porque desde o inicio era o que desejei. 

Anna sofre mas amadurece, o livro tem infinitas emoções no final, preparem o coração!

O que Amei: Ricardo, como ser humano, Anna a forma como ela amadurece. A cidade como é descrita, as estações do ano como é relatada. A capa do livro E como Samanta encerra a história de cada personagem.

O Que Não Gostei: Queria mais do último capítulo, não quero e não irei entrar em detalhe, pois desejo que todos vivenciam as emoções do livro. Mesmo assim faço um pedido, a escritora Samanta, você poderia escrever um segundo livro estendendo o último capítulo? rs

Porque recomendo: O livro é cheio de lições, de como você deve encarar a vida, respeitar a pessoa, mesmo, que a mesma seja má por opção. E o final, é claro! Mas um final de livro que amei.

PS: Não quero me precipitar, mas o Renascer de um Outono ganha fácil o Prêmio de livro de Novembro das minhas leituras do mês, depois de um livro chato com leitura difícil, o livro da Samanta emocionou profundamente minha alma.

Beijos.
Até a Próxima. 


Leia Mais ››

Leitor Escritor: Significâncias - Kati Martins

Significâncias



Aquela velha sensação de está sendo inundada por gritos e informações, às vezes pelo silencio, e toda a angustia de sempre. Confesso que nos últimos dias não faço muita questão de disfarçar, ando cada dia mais calada pensando em como vou sair do silêncio, penso em até na falta que ele me faz, penso no conforto de onde estou.



A verdade é que ando suspirando cada dia mais profundo, sinto medo de depressão, mas acho que isso nunca vai acontecer comigo, tenho o dia ocupado demais pra que isso aconteça. Ocupo-me com tudo que não me acrescenta, ando vivendo de forma meio mecânica

Absolutamente tudo planejado por um futuro programado: acordo, trabalho, durmo, acordo, trabalho, durmo, acordo, trabalho, durmo. Vez em outra acontece o inusitado da vida. Concluo que ando me programando para o inusitado.

As coisas doces da vida acontecem, e são sempre bem vindas. Sinto cada dia mais necessidade em valorizar acontecimento como se estivesse em um constante estado terminal. Decidir fazer de dias chuvosos e nublados, radiar sol de dentro de minha alma, procurar reais significâncias da vida, ao invés de definições. Até porque o que é belo em mim, não é belo para todos. Ando infiltrando-me por aí, já que bactériar também é uma formar de vida. 




Kati Martins
Leia Mais ››

BLOG LEITURAS WIS - ENTREVISTA II



18. Vamos falar um pouco do seu blog, que não deixa de ser um trabalho. Conte como surgiu a ideia do blog?
Meu blog na verdade vai fazer dois meses. A ideia surgiu há algum tempo atrás, comecei um, mas parei, não estava preparada. Atualmente criei de novo e estou amando, meu blog visa além de compartilhar minhas leituras, ter contato com outras pessoas que leem e  conhecer novos escritores brasileiros, que já descobri alguns e são ótimos, o nosso país tem muitos escritores de qualidade.

19. Quais as primeiras dificuldades encontrada com o blog?
Para mim é na parte de divulgação, conquistar o público a visitar e participar do blog, mas hoje em dia já tem pessoas que visitam e comentam e estou muito feliz com isso, só tenho que agradecer de verdade.


20. Como é o ritmo do blog? Quando ocorre as atualizações?
Bem, tento atualizar no máximo com três ou quatro dias, mas para que isso ocorra tem que ter resenhas e novas ideias de postagem.

21. Você tenta passar alguma mensagem com seu blog? Ou simplesmente o blog é seu amor por leitura?
Tento sim, espero passar recomendações de livros e principalmente mostrar bons livros, alguns do tipo clássico que vale muito a pena ser lido. Mas a primeira mensagem é essa, ler já é um passo importante na vida das pessoas, agora ler livros com um grande conteúdo e importância aumenta nosso conhecimento.

22. Quando você recebe livros (ou compra livros) para resenhar no blog, você tem algum critério de prioridade? Ou é por  ordem de chegada? 
Eu tento priorizar os livros que eu ganho de parceria, por isso que não estou tento muito tempo para ler os meus e por ordem de chegada, pois me sinto responsável pelo livro, o autor confiou em mim para resenhar o livro, então gosto de fazer logo.

23. Qual importância você acha que tem os blogs literários para a literatura?
A principal importância é no incentivo a leitura e ajuda na divulgação de novos escritores, como no meu, acho isso muito importante.

24. Qual mensagem você deixa para colegas blogueiros(a) apaixonados como você pelo mundo da leitura. 
Continuem compartilhando esse amor, que é tão gratificante. Com isso estamos ajudando de alguma forma ajudar as pessoas em algo bom, pois a leitura traz isso para nossas vidas, coisas boas e conhecimento.

25. Qual mensagem você deixa para quem ama ler. E para quem acaba de descobrir o gosto pela leitura.
Para quem ama ler, eu sei o que você sente e para ainda não descobriu o gosto pela leitura, tente, não desista no primeiro livro que não gostou comece aos poucos e daqui a pouco você percebe que não consegue mais viver sem livros.




26. Deixa seu recado sobre seu blog? Alguma novidade, promoção, resenha, quais as novidades que podemos esperar?

Bom, espero que essa entrevista tenha dado a você um pouco de vontade de conhecer meu blog, então visitem e participem, ele é todo feito com amor e a cada participação, comentário ou seguidor meu coração pula de alegria, só tenho que agradecer. Sempre terá resenhas novas e aguardem futuras promoções, mas desde já siga e fico por dentro de tudo que acontece. Ah, não esquecendo da novidade é o canal no youtube. Obrigada Patrícia por essa ideia de abrir seu blog para conhecer outros eu amei essa ideia e super apoio, muito sucesso com seu blog. Beijos!



Lanny, Agradeço a ti por abri um pouco seu mundo e amor a leitura, falar sobre seu blog. Amei suas resposta. Aprendi muito com elas e seus gostos literários.  Acompanho sempre seu blog e vejo que você é bem eclética mesmo. Isso é bom! Portanto você ganhou uma fã. Tudo de bom para ti.
Sucesso total no seu blog.


Galera! Essa foi a entrevista do mês de novembro. Não deixa de acompanhar o blog da Wislanny, no site: http://livrosdawis.blogspot.com.br/ e também no canal do youtube!

Beijos a todos.




Leia Mais ››

BLOG LEITURAS DA WIS - ENTREVISTA I



 Wislanny,tem 18 anos e seu vício são os livros. Com seu blog (vamos falar mais na frente) ela  compartilha com vocês, suas leituras e tudo com relação ao mundo literário. Vamos conhecer um pouco dessa doce jovem e seu blog. Confira a entrevista do mês de Novembro.



1.Conta para nós como surgiu seu amor pela leitura? Alguém incentivou?
Lembro-me que desde minha infância eu já lia revistas para criança e quadrinhos, em especial a Turma da Mônica, e lia também historinhas, tipo a Bela e a Fera, meus pais sempre incentivaram na leitura.

2. Qual foi o primeiro livro que você leu? Como foi essa experiência? 
Não me recordo qual foi meu primeiro livro lido, não sei nem se tenho mais. Porém lembro-me ter lido bastante um livro chamado O Porta-Lápis Encantado, não sei porque me chamava tanta atenção, só sei que ficava encantada, li diversas vezes e tenho ele até hoje, ele tem 10 anos que está comigo. 

3. Qual livro mais emocionante que você leu? Conte essa experiência.
Mais emocionante? Não sei se eu já li esse livro, todos que e que fizeram chorar foram bem poucos, pois não sou muito de chorar, mas um que me emocionou, que eu me lembro foi A Vida em Tons de Cinza, é um livro onde ocorre a segunda guerra mundial e conta a história, real de uma família, e é bem difícil a vida deles, porém deixa uma linda lição. Super recomendo esse livro, principalmente para quem gosta do tema. 

4. Já teve algum livro que você leu e te decepcionou? Conte sua experiência.
Acho que todo leitor já teve essa experiência. Para mim a mais decepcionante foi com O País das Mulheres, como gosto de assuntos relacionados ao feminismo comprei sem ler a sinopse pensando que teria tudo a ver e que seria ótimo, mas é muito muito ruim, sério gente, não leia! Rsrs . 

5. Te alguma escritor(a)  brasileiro(a) que você ama? Ou que ama a escrita ou algum livro especial?
Sim!! Só vou citar dois, porém tem outros e outros que preciso descobrir, amo nossa literatura. O primeiro que amo é o único Machado de Assis e em segundo lugar a linda Clarice Lispector, li um dos melhores livros de contos da minha vida dela. Amo os dois justamente por causa da escrita, pois cada uma tem sua personalidade e características.

6. Qual escritor internacional que você ama? Porque?
Carlo Ruiz Zafón, pois a primeira página que li fiquei encantada e assim foi com todos os outros livros que li. “Cresci no meio dos livros, fazendo amigos invisíveis em páginas que se desfaziam em pó e cujo cheiro ainda conservo nas mãos.”; “Cada livro, cada volume que você vê, tem alma. A Alma de quem escreveu, e a alma dos que o leram, que viveram e sonharam com ele. Cada vez que um livro troca de mãos, cada vez que alguém passa os olhos pelas suas página, seu espírito cresce e a pessoa se fortalece.” 

7. Já conheceu algum escritor pessoalmente? Se sim, conte como foi seu dia de fã.
Sim, acho até engraçado esse momento com a Bruna, pois não sou fã e nunca li nada da autora, ainda, e ver todas as reações dos jovens foi engraçado, acho que eu era a única que não esboçava nada, porém ela é uma pessoa muito linda e encantadora.

8. Já leu algum clássico? Se sim, qual? Gostou?
Sim, vários. O meu preferido e favorito é Memorias Póstumas de Brás Cubas, principalmente pela ironia, é todo genial. Se você ainda não leu, por favor, leia!

9. Quais estilos de livro você curte?
Romance, um pouco de suspense, distopia ( livros mais clássicos) e histórico, sou bem eclética em relação a estilo, pois quero conhecer de tudo um pouco.

10. Qual estilo de livro e leitura que você não gosta?
Não é que eu não goste, mas tenho medo de ler livros de terror, só esse gênero que tenho um pouco de receio.

11.  Tem alguma música que você acha que daria um belo livro?
Nunca tinha pensado nisso! Não sou muito criativa, mas Toda Forma de Amor, do Lulu, acho que daria em um bom romance (escolhi essa porque estou escutando nesse momento, para vocês verem minha criatividade, haha.)

12. Você ler todos os livros que compra?
Sim, mas atualmente está um pouco complicado.

13. Você já teve e abandonar alguma leitura? Conte para nós a experiência.

Sim, não gosto de abandonar livro, porém tem uns que não dá, um que abandonei foi A Abadia De Northanger, tentei bastante essa leitura, mas não deu.



14. Com relação as crianças e jovens, como você acha que esta relação deles com o livro atualmente no Brasil. 
Atualmente consigo ver jovens que leem e fico feliz com isso, porém espero que consigam melhorar o tipo de leitura, no sentido de conhecer grandes escritores com uma escrita própria e cheia de conteúdo.

15. Quanto a mídia, como você ver a relação da mídia com a literatura? 
A mídia ajuda bastante, por exemplo, às vezes o livro não é tão bom, mas ela passa isso para o público numa divulgação bem feita que acaba influenciando-os, levando elas a gostarem, as vezes até sem uma opinião própria. Porém, apesar de ter tocado nesse ponto, ainda assim o papel da mídia é importante.

16. Como você vê as feiras atualmente? Já foi em alguma? Se sim, Conte para nós como foi a visita?
Eu super apoio, acho muito legal. Nunca fui em uma, espero um dia ir.

17. Você já teve vontade de escrever algum romance? Livro?


Não nunca tive vontade, nem ideia. Quem sabe um dia possa criar algo legal e próprio.


Leia Mais ››

UM PORTO SEGURO - NICHOLAS SPARKS



Título: Um Porto Seguro
Título original: Safe haven.
Autor: Nicholas Sparks
N° de páginas: 414
Editora: Novo Conceito
Sinopse: Quando uma mulher misteriosa chamada Katie aparece repentinamente na pequena cidade de Southport, na Carolina do Norte, questionamentos são levantados sobre seu passado. Linda, mas discreta, Katie parece evitar laços pessoais formais até uma série de eventos levá-la a duas amizades relutantes: uma com Alex, o viúvo, com um coração maravilhoso e dois filhos pequenos, a outra com sua vizinha muito franca, Jo. Apesar de ser reservada, Katie começa a baixar a guarda lentamente, criando raízes nessa comunidade solícita e tornando-se próxima demais de Alex e de sua família. No entanto, quando Katie começa a se apaixonar, ela se depara com o segredo obscuro que ainda a assombra e a amedronta: o passado que a deixou apavorada e a fez cruzar o país para chegar no paraíso de Southport. Com o apoio simpático e insistente de Jo, Katie percebe que deve escolher entre uma vida de segurança temporária e outra com recompensas mais arriscadas... e que, no momento mais sombrio, o amor é seu único refúgio.

RESENHA:

Esse livro me apresentou o escritor Nicholas Spark, foi o primeiro livro dele que apreciei, me apaixonei e agora aos poucos faço a coleção.
O livro tem uma narração maravilhosa em terceira pessoa, envolve mistério, suspense, e um amor como o porto seguro.
Katie foge do seu passado ameaçador para a cidade Southport, lá ela tenta reconstruir sua vida e esconder seu passado sombrio. Por esse motivo ela evita a qualquer custo se envolver, fazer amizade na cidade. Mas a medida que vai passando isso fica impossível, surgi amizade com Jo outra misteriosa e vizinha, da casa na qual Katie conseguiu para alugar. Com essa amizade Katie vai saindo do casulo. 
Ela também começa uma amizade com Alex, um viúvo que tem uma dedicação intensa aos filhos, Kristen e Josh, dono de um comercio na pequena cidade, Alex tem referencia de bom moço na cidade, e família modelo. Depois que perdeu a esposa também se fechou e dedicou somente aos filhos.
A medida que essa amizade cresce, um sentimento entre Alex e Katie surgi. Katie também se apega a filha de Alex, Kristen, as duas criam amor mutuo. Assim a amizade de Alex e Katie vai transformando em um amor puro e singelo.
Nesse livro Nicholas Spark é rico nos detalhes, como por exemplo narra com riqueza a reforma da casa de Katie faz, a ajuda de Alex e sua família; os passeios, o primeiro beijo, e a primeira noite de amor, ele narra com delicadeza, romantismo, como sempre.
Mas a medida que o amor entre ambos cresce o passado de katie resolve aparecer, deixando ela com medo e insegura. O passado perigoso, um marido psicopata e violento. No livro, logo ela conta seu passado a Alex, sempre compreensivo ele tenta cuidar de Katie não importando com o passado dela.
O bom do livro, é que os capítulos são bem estruturados. Em um conta a luta de Katie em um outro conta a loucuras dos psicopata do marido de Katie.
O Final do livro é de arrepiar um momento de pura emoção, onde revela também quem é a verdadeira Jo (eu escrevendo essa parte do livro, me arrepiei só de pensar)

O FILME:

Amei o filme. Mas  fiquei triste com as mudanças de cenas, praticamente Nicholas escreveu uma nova história para fazer o filme. Eu sei que adaptação não quer dizer copia do livro, mas sempre criamos esperança de ver os personagens, e as cenas mais lindas ser fiéis. Mas nesse caso muitas cenas diferentes,mesmo assim não deixou de ser um filme maravilhoso.
No Filme, Katie mantém o mistério e quando o passado ressurgi ela tenta fugir mais uma vez pois não esta querendo colocar a vida dela e de Alex em risco, A amiga Jo é contra, mas ela esta decidida. No livro é bem diferente.



No filme amei a cena que Alex corre atrás dela e revela seu amor, pedindo para ela ficar.

A Katie do filme omiti seu passado a Alex, no livro ela resolve contar a verdade como segurança para Alex saber o que vem pela frente.
O filho de Alex é diferente do livro. Mas a Kristen é adorável  tanto no filme como no livro. 
O final do filme assim como no livro também é de arrepiar, e esse manteve fiel a história.
Mesmo sendo praticamente duas história eu amei os dois, mas ainda assim prefiro o livro.


O que amei:Kristen, filha do Alex é apaixonante tanto no livro como no filme, é uma doce e linda criança. O Alex um pai dedicado e exemplo. Amo quando vejo relação forte de pai com filhos (isso é natural da mãe, quando é o pai, fica muito  mais emocionante). Mas o que amei mesmo foi o FINAL ARREPIANTE tanto livro como filme. 
O Que não gostei: O filme é muito diferente do livro. Gosto quando mantém a fidelidade da história. (como A Culpa é das Estrelas).
Porque Recomendo: Porque honra o título, mostra a luta e a importância, que mesmo com passado triste ou sobrecarregado, vale a pena lutar por uma vida mais feliz e em paz. E que as vezes o medo só nos prende de uma felicidade próxima.


Leia Mais ››

TAG indicada pela Anya do Blog "Entre um Livro e Outro"

Oi  gente!
Fui indicada novamente pela fofa Anya Carvalho do blog
 http://entreumlivroe-outro.blogspot.com.br 

Para participar dessa TAG. 
A regra é o seguinte:
Responder a seis perguntas, só que no papel.


Ou seja, vocês estão ferrados, quero ver alguém entender minha miniatura de letra. 

Perguntas:

1. Qual é o seu nome?



2. URL do seu blog

3. Escreva: "A rápida raposa marrom pula sobre o cão preguiçoso".

4. Citação favorita do momento.

5. Cantor/Banda favorita do momento.

6. Diga o que quiser.





Mesmo salvando em pé, não sei porque a foto teimosa ficou deitada. Então colocarei assim mesmo, até porque para os curiosos. será necessário baixar, se quiser tentar ler o que escrevi. (rs). 







Leia Mais ››


© BOLG DA MARY - 2015-2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: MARY DESGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo